União oficializa prorrogação da atuação da Força Nacional no RS

A primeira portaria, publicada em 31 de agosto, determinava a permanência das tropas por um período de 90 dias, que terminaria no final de outubro. No entanto, no dia 26 de outubro, o governo gaúcho pediu a prorrogação do prazo, que foi oficializado nesta quinta.

Após encontro com o ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, na terça-feira (8), o governador do Rio Grande do Sul, José Ivo Sartori, anunciou a permanência da tropa por tempo indeterminado.

Entretanto, conforme a portaria publicada, o prazo de permanência da Força Nacional em território gaúcho foi prorrogado por mais 90 dias, a partir do vencimento da primeira portaria, ou seja, até meados de janeiro de 2017.

Ainda de acordo com o texto, além de exercer as funções de polícia ostensiva, será realizado também o trabalho de “polícia judiciária e perícia forense, com o objetivo de combater a criminalidade, mas especificamente os crimes contra a vida (homicídios)”, diz um trecho.

Write a Comment

view all comments

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *